Em Marabá, Codec apresenta estratégias de apoio a novos negócios

A Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec) participou, na última quarta-feira (28), do III Seminário Intermunicipal da Redesim, em Marabá, na região sudeste do Estado. Promovido pela Junta Comercial do Pará (Jucepa), o evento leva esclarecimentos sobre o funcionamento da Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim) aos municípios paraenses.

Voltado principalmente para contadores, empresários, empreendedores, administradores de empresas e gestores públicos das áreas de arrecadação e finanças, o seminário é aberto a qualquer pessoa com interesse no registro empresarial e nas novas ferramentas que promovem a desburocratização dos processos de abertura e legalização de empresas.

“Para a Codec é sempre uma honra participar dos Seminários da Redesim. Esse evento mostra que o Estado como um todo está empenhado em auxiliar de forma eficaz o investidor que deseja investir no Pará”, disse a gerente regional da Codec em Marabá, Ana Cavalcante, uma das palestrantes no evento.

Cilene Sabino, presidente da Jucepa, afirma que o seminário atende uma demanda das prefeituras e também dos profissionais que atuam diretamente no registro de empresas. Ainda segundo ela, em 2017, a Jucepa promoveu a integração dos 144 municípios paraenses à Redesim, com a assinatura do convênio para implantação do Sistema Integrador Pará, que, como o próprio nome sugere, integra as etapas dos processos de abertura, alteração e baixa de empresas, bem como os órgãos competentes, entre eles as prefeituras, responsáveis, por exemplo, pela liberação de alvará.

Além da Codec, também ministraram palestras os representantes do Corpo de Bombeiros, Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa), Receita Federal, Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme), Conselho Regional de Contabilidade (CRC), Tribunal de Contas do Estado (TCE) e Organização das Cooperativas Brasileiras, além da Associação Comercial e Industrial de Marabá e Prefeitura de Marabá.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.