Codec promove reunião sobre navegação entre portos no Pará

A Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec) fez ontem (14) um encontro para tratar sobre o início das pesquisas de cabotagem inter-regional entre Pará, Amapá e Guiana Francesa. Iniciativa do Grande Porto Marítimo da Guiana (GPM), operador portuário da Guiana, o projeto tem por objetivo entender as relações comerciais entre os envolvidos e estabelecer o serviço de navegação entre os portos da região.

Em agosto deste ano, Governo do Estado e GPM assinaram um termo de coopeação para viabilizar o início das pesquisas de cabotagem inter-regional e aproximar relações comerciais. Segundo o presidente do Sindicato dos Operadores Portuários do Pará (Sinopar), Alexandre Carvalho, o encontro é de vital importância para o fornecimento de informações aos interlocutores da Guiana e para viabilizar as pesquisas. “O Sindopar terá papel estratégico nessa iniciativa, fornecendo informações de carga de importação e importação e movimentação no porto público do Estado”, disse.

Para o representante da equipe técnica do projeto, Gustavo Hering, este é o primeiro passo para a conexão entre os portos de Pará, Amapá e Guianas e o desenvolvimento efetivo do serviço de cabotagem na região. Ainda segundo ele, a ideia inicial é entender os mercados e planejar cenários que sejam benéficos para a economia desses dois países.

O gerente de Implementação de Negócios da Codec, Marcelo Filho, disse que a iniciativa do GPM tem o intuito de trazer uma resposta mais efetiva para integração entre as partes envolvidas levando em consideração a relação comercial e os aspectos institucionais entre elas. “A pesquisa é um levantamento estrétegico de informações sobre a figura portuára da região norte e deve levar em conta a logística para evoluir com pesquisas estratégicas de aprofundamento”, finalizou.

Participaram da reunião o diretor de Indústria, Comércio e Mineração da Secretaria de Estado de Desenvolvimento, Mineração e Enegia (Sedeme), Sérgio Menezes; o presidente do Conselho de Infraestrutura da Federação das Indústrias do Pará (Fiepa), José Maria Mendonça; o diretor executivo da empresa brasileira de operação e logística-Santos Brasil, Ricardo Viana; o vice-presidente de apoio portuário do Sindicato das Empresas de Navegação do Pará e Amapá (Sindarpa), Assis Neto, e representantes da Codec, entre outros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.