Diretor de Estratégia e Relações Institucionais da Companhia, Pádua Rodrigues apresenta as iniciativas institucionais da Codec

Porta de entrada para investimentos no Pará, Codec destaca projetos na ‘Pará Negócios’

Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec) apresentou as ações e projetos institucionais que contribuem para o crescimento econômico

Diretor de Estratégia e Relações Institucionais da Companhia, Pádua Rodrigues apresenta as iniciativas institucionais da Codec
Diretor de Estratégia e Relações Institucionais da Companhia, Pádua Rodrigues apresenta as iniciativas institucionais da Codec

A Companhia de Desenvolvimento Econômico do Pará (Codec) apresentou um panorama sobre suas ações e projetos, neste sábado (3), na Feira Pará Negócios 2022. A Codec também abordou os principais caminhos capazes de elevar o crescimento econômico do Pará. A palestra “Perspectivas de Desenvolvimento Econômico do Estado do Pará” ocorreu na sala 12 do Hangar, em Belém, e foi conduzida pelo economista e diretor de Estratégia e Relações Institucionais da Companhia, Pádua Rodrigues.

Os Distritos Industriais existentes em Ananindeua, Icoaraci (Belém), Marabá e Barcarena, e os principais segmentos das empresas que atuam, nesses DIs,  foram alguns dos destaques da apresentação da Codec.

Presidente da Codec, Lutfala Bitar (ao centro)

A Companhia adiantou ainda projetos que estão em curso no âmbito do Executivo, atualmente, como os novos DIs em Castanhal, Breves, São João de Pirabas, Santarém, além da Zona de Processamento de Exportações (ZPE), em Barcarena.

“Existe um hiato desde a criação do último Distrito Industrial no Pará, na década de 1980, por isso, com esses novos projetos, o Estado quer acelerar a política industrial do Estado, o que consequentemente atrairá mais empresas e mais empregos. Hoje, somente as empresas que já atuam nos DIs, representam 11% do PIB no Pará, então ao fomentar a criação e novos polos, a economia paraense só tem a ganhar”, destacou Pádua Rodrigues.

Porta de entrada para investimentos

Desde a sua criação, a Codec recebeu a missão de recepcionar novos investidores interessados em empreender no Pará. Para isso, a Companhia possui como alguns de seus serviços o apoio e assessoramento ao investidor, promovendo uma aproximação entre o setor produtivo e órgãos e entidades do serviço público com o objetivo de facilitar a implantação de novos empreendimentos.

Nos últimos anos, foram vários exemplos de negócios atraídos graças a esse trabalho, possível graças à abundância de matéria-prima, como minerais, proteínas (peixe, aves, caprinos, suínos), frutas além de outras culturas como mel, cacau e dendê no Estado, além da infraestrutura e políticas públicas permanentes de desenvolvimento. 

Números da produção paraense, projetos de ferrovias e outras iniciativas em andamento também foram apresentadas pelo economista Pádua Rodrigues, que destacou ainda o protagonismo das ações da gestão Helder Barbalho na área econômica. 

“O desenvolvimento econômico se faz através da mobilização e da articulação de vários entes e o principal deles é o governo. No nosso caso, o governo Helder Barbalho tem tido uma preocupação muito forte, estratégica e estruturada para mobilizar esses entes em prol do desenvolvimento, tanto é que nos últimos anos tivemos um investimento maciço na área de infraestrutura rodoviária, hidroviária, melhores condições portuárias além de outras medidas relevantes”, explicou Pádua.

“A nossa palestra teve o objetivo de apresentar as oportunidades de negócios no Estado do Pará e não apenas isso mas também as perspectivas, aquilo que está sendo trabalhado para o futuro do Estado, em termos de logística, infraestrutura, políticas públicas, relacionamento com as instituições municipais, de modo a criar um ambiente de negócios cada vez melhor para a atração de investimentos para o nosso Estado”, complementou.

Perspectivas e networking

A engenheira de produção Naomi Shibata, que assistiu atentamente à palestra, disse que o que a atraiu à palestra foi o interesse em conhecer as ações voltadas ao fomento à economia e a oportunidade de netowrking. “Estou sempre presente nessas feiras aqui do Estado e aqui na Pará Negócios tive interesse em participar da palestra da Codec, onde pude entender um pouco mais sobre as perspectivas para a economia do Pará e ainda sobre as oportunidades de negócios. Aqui eu quis entender também mais sobre a rede de networking que a Codec tem para que eu possa atuar e contribuir para o desenvolvimento socioeconômico do Pará”, disse.

A Codec segue presente no estande do Governo do Pará neste domingo (4), até as 22h, prestando atendimentos a empresas e ao público em geral com a presença de técnicos de diferentes áreas da instituição. 

Foto: David Alves / Ag. Pará

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.